sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Há uma «polícia de pensamento. Ninguém está seguro»

A directora regional de Educação do Norte, Margarida Moreira, garantiu esta sexta-feira que como consequência dos protestos de alunos foram identificados «pelo menos» dois alunos do ensino superior que são dirigentes de uma juventude partidária, bem como uma funcionária de uma outra escola onde não houve protestos. «Se houve também professores [por detrás dos protestos], não sei, de todo»
O
E agora?...Vai torturá-los para descobrir os outros?...Nunca se viram tantos Comunistas neste país, o ultimo a ter esta obsessão, que me lembre foi o Salazar…

2 comentários:

alfa disse...

Sim atrás de cada professor há um polícia. Mas atrás de cada polícia há outro polícia, atrás de outro mais um polícia e assim sucessivamente.
Quando se entra em pânico não se confia nem na própria sombra!...

José Espremido Até Ao Tutano disse...

E o pânico está latente em todas as atitudes ultimamente tidas por este “desgoverno”

Related Posts with Thumbnails