sábado, 22 de novembro de 2008

Dias Loureiro: “Confiei que Oliveira e Costa estava a fazer bem”

Dias Loureiro afirma que não participou nem teve conhecimento de irregularidades no Banco Português de Negócios (BPN), confiando sempre nas boas intenções e na boa gestão de José Oliveira e Costa. O ex-administrador de empresas do grupo BPN afirma mesmo: “não acredito que ele tenha feito isso para benefício pessoal”. “Isso” são as irregularidades e os crimes de que Oliveira e Costa, ex-presidente do BPN, está indiciado e que ontem lhe valeram a prisão preventiva depois de ser ouvido pelo juiz.
O
Isto tudo leva-me a uma questão, quanto a mim pertinente:
Portugal estará atrasado porque os trabalhadores portugueses produzem pouco, ou será porque estes senhores roubam muito?

4 comentários:

XICA disse...

Porque têm um subsidio de desemprego chorudo!

José Espremido Até Ao Tutano disse...

Deve ser...

alfa disse...

Coitadinho! Confiou no amigo e companheiro de partido e foi enganado! Isto faz-se?

José Espremido Até Ao Tutano disse...

È o que dá ser "bonzinho"!

Related Posts with Thumbnails