sábado, 13 de dezembro de 2008

Governo anuncia estímulo económico que representa 1,25 por cento do PIB

O primeiro-ministro, José Sócrates, anunciou hoje um pacote de apoio à economia, designado “iniciativa para o Investimento e Emprego”, centrado em medidas de investimento público e no apoio às pequenas e médias empresas e ao emprego, que totaliza 2180 milhões de euros e representa 1,25 por cento do PIB (produto interno bruto, que contabiliza o valor anual de tudo o que é produzido no país) em 2009. O défice público deverá ficar nos três por cento do PIB, anunciou também.
O
Ainda o Orçamento do Estado não está promulgado, publicado e em vigor, e já o Governo faz de conta que não há Orçamento.
Este “programa extraordinário para combater a crise” não devia ter sido incorporado no Orçamento para 2009?

5 comentários:

XICA disse...

Chama-se a isto bom senso, aliviastes o pesadelo com a introdução dos instrumentos musicais, assim, até parecem uns anjinhos.

Marreta disse...

Pacotes de medidas azedas distribuídos por músicos de fraca qualidade técnica, é o que é.

Saudações do Marreta.

José Espremido Até Ao Tutano disse...

Tocando bem ou mal o que é certo é que dão musica a muita gente...

PDuarte disse...

vai serum caso sério este blog.

José Espremido Até Ao Tutano disse...

PDuarte, porque dizes isso?

Related Posts with Thumbnails